0 Seu Carrinho
Seu Carrinho está vazio
Navegue por nossa loja e encha sua cesta com as melhores ofertas!
(11) 2028-7588(11) 9.9593-1262

Blusa Infantil Feminina

Mostrado de 1 à 36 de 60 Produtos encontrados.

Grade Lista

Definir Direção Ascendente
Navegue
Mostrado de 1 à 36 de 60 Produtos encontrados.

Grade Lista

Definir Direção Ascendente
Navegue

Blusa Infantil Feminina (Blusa de Menina da Moda)

blusa infantil feminina

As tendências sempre mudam e as pessoas continuam acompanhando, as blusas seguem muitos modelos e por isso fizemos um especial dedicado só para elas. 

As blusas são as peças mais democráticas no mundo da moda, elas podem ser combinadas com várias outras peças de roupas, tornando-se essencial ter uma variedade no guarda-roupa. 

A história da blusa começou muitos anos atrás, passando por diversas gerações, fazendo parte de movimentos revolucionários até constituir parte do nosso cotidiano. As blusas infantis têm uma tendência de sempre serem confortáveis para as crianças então na maioria das vezes são feitas de algodão, as fibras branquinhas obtidas dos frutos de algumas espécies de plantas do gênero Gossypium, da família Malvaceae.

Relatos atestam que essas fibras já eram utilizadas em 4.500 a.C. pelos Incas, no Peru, e a Índia e a Etiópia foram as primeiras nações a tecer peças de algodão em 3000 a.C. No entanto, o país que ficou mundialmente conhecido pelo cultivo do algodão foi o Egito. Devido ao clima e ao solo extremamente favoráveis, o algodão egípcio plantado às margens do Rio Nilo é muito mais forte e macio.

O algodão é a fibra mais usada no mundo. Hoje, quatro tipos de algodão são utilizados na indústria têxtil: upland, cultivado na América Central e Caribe; egípcio; sea-island, das ilhas do sudeste da América do Norte e das Índias Ocidentais; e o asiático, proveniente da Ásia Meridional. 

O caimento de uma peça feita em algodão depende diretamente da quantidade de fios que ela possui. Quanto mais fios, melhor é o seu acabamento e sua durabilidade, evitando que ela fique transparente ou se desfaça rápido.  

As blusas infantis também seguem a linha das estampas animadas e vivas, as estampas foram produzidas, primeiramente, pelos fenícios, uma civilização da Antiguidade que se localizava onde hoje estão Líbano, Síria e o pedaço norte de Israel. Porém, os tecidos estampados só começaram a ser utilizados na Europa depois do século XVII. Existem diferentes métodos e técnicas de estamparia, sendo que o uso de blocos de madeiras é o mais antigo. 

Hoje em dias as estampas são em grande maioria digital, sendo a mais moderna atualmente, imprimindo a imagem desejada diretamente no tecido. Essa técnica oferece mais liberdade da questão de formatos e cores da estampa, sendo a mais utilizada na indústria atualmente.

blusa de frio infantil feminina

Existe uma máquina de impressão específica para esse procedimento, que além de realizar a impressão ainda faz uma lavagem no tecido para os resíduos excedidos sejam retirados. Um dos principais pontos positivos da estampa digital é a rapidez com que é feita, podendo realizar estampas em confecções grandes sem dar tanto trabalho quanto as outras formas. O ideal para fazer esse tipo de estampa é ter uma boa máquina para que as cores do desenho sejam bem fixadas para que não desbotem com o passar do tempo.

No inverno é mais comum que o tecido usado nas blusas sejam a lã mista por ser mais versátil e aquecer mais. A lã é uma fibra natural derivada do pelo das ovelhas e dos carneiros. Já era utilizada na Idade Antiga pelos povos nômades como agasalho, mas a Mesopotâmia (atual Iraque) foi a pioneira na domesticação destes animais e, por isso, suas lãs se tornaram famosas. Não demorou para que ela se tornasse a principal fibra da Europa, conquistando as cortes. É um tecido com bom isolamento térmico: não aquece muito sob o sol, mantendo a temperatura corporal mais baixa em comparação com tecidos sintéticos. Também não amassa e é bastante confortável. Na época de frio também é recomendado que se usa blusas de manga longa, para que a criança se proteja do frio e previna-se.

Tome cuidado com blusas de tecidos sintéticos, porque podem causar alergia, como dermatite de contato.  Os tecidos sintéticos como acetato, poliéster, polipropileno e couro sintético não absorvem a umidade do corpo, provocando acúmulo de resíduos, coceiras e uma sensação áspera ao toque. Algumas escolhas de produto para o momento da lavagem também podem agravar reações alérgicas, como amaciantes e sabões em pó. Por isso, recomendo que você faça a lavagem das peças infantis com sabão neutro e coloque na máquina apenas as peças infantis que estão sujas. O vinagre é um amaciante natural para as roupas e possui um potencial menor para causar irritações. Mas vale lembrar que cada criança pode ter uma alergia diferente. 

O truque neste tema é saber montar o look com outras peças que construam o estilo que sua princesa deseje, mantendo a essência de quem ela é e levando em consideração o local para o qual ela está se vestindo. Sempre se atentando a vestimenta  de cada ocasião.

Para os modelos de blusas casuais, as ideias são infinitas. Aposte em looks com calças, vestidos, saias de diversos modelos, entre outras peças do armário. E não se esqueça de dar a devida atenção aos acessórios que são um diferencial para cada look. 

Os tipos de blusas infantil 

blusa feminina infantil

As blusas infantis existem de diversos tipos e formatos, o mais comum é a blusa de manga curta com alguma estampa na parte da frente da blusas.  Está tendo o retorno de algumas blusas com mangas bufantes, elas foram queridinhas nos anos 80 e agora é uma peça retrô no armário de muitas meninas, as mangas volumosas podem aparecer de diversas versões, como mangas curtas e longas, em blusas de estilo t-shirt, croppeds e batinhas. Esse tipo de blusa é uma peça autêntica, garantindo que a criança tenha um toque vintage. 

Blusas regatas infantil são uma ótima escolha para o verão e para as crianças se sentirem mais livres. A regata é uma peça extremamente versátil, dá para compor looks do dia a dia, até as produções mais incríveis para eventos especiais. Existem incontáveis variações do modelo, com vários tipos de alças, tecidos, shapes, cores e estampas. Certamente uma lhe agradará e fará uma revolução em suas próximas produções.

Blusa cropped infantil é uma peça que em inglês, quer dizer cortado, e na moda se dá pela característica de a peça de roupa ser mais curta. Sendo assim, é muito comum ouvir a expressão “top cropped”, que nada mais é que uma blusa mais curtinha. Essas blusas podem expor a barriga ou não. Tudo vai depender do quão alto é o cós da peça que está sendo usada na parte de baixo ou de quão curta é a blusa. A peça está presente nas coleções das principais marcas internacionais e tem uma pegada jovem e pode ser combinada com diferentes peças. Este é um item muito legal para ter no armário e dar uma atualizada nos seus looks, além de poder ser uma boa oportunidade para customizar peças que você já tem e que são “inteiras”.

Blusas de manga longa infantil são indicadas para o inverno ou um dia frio, normalmente tem composição de algodão e poliéster. As golas são de diferentes formas, é uma ótima opção que une conforto com estilo. 

Como combinar as cores 

Antes de tudo, você deve conhecer o círculo cromático. De acordo com a teoria das cores, há três cores primárias, que são: Vermelho, azul e amarelo. Todas as outras cores são oriundas desses três tons.

cores blusa infantil feminina

O círculo cromático ajuda na combinação de cores de roupas e a criar produções harmoniosas.

A partir da junção de duas cores primárias, temos as cores secundárias, que são o verde, laranja e violeta. A cor que é produzida pela mistura de três cores primárias é chamada de cor terciária.

Já as cores complementares são os tons que se contrastam no círculo cromático, ou seja, que são opostas.

A combinação de cores deve ser muito simples. O círculo cromático facilita na combinação de cores, pois colocam em cores lado a lado em um círculo de acordo com sua tonalidade. A partir do círculo é possível visualizar quais as cores que melhor se harmonizam e criar combinações monocromáticas, análogas ou em tríade. O círculo cromático também se divide em cores quentes e frias.

A parte de cima do círculo com as tonalidades de verde, azul, roxo são as cores frias. Já as tonalidades de rosas, vermelhos, laranjas e amarelos são as cores quentes. O branco, preto e cinza são cores neutras que podem servir de base para diversas combinações.

Agora vamos dar exemplo de como combinar cores de diversas formas. Esta também é uma forma de você organizar o guarda-roupa com roupas e acessórios coringas que vão poder ser usados em muitas combinações.

As peças de cores neutras também são ótimas aliadas para complementar ou ser a base do look. Se sua princesa ainda não se sente segura para ousar nas cores, ter uma ou mais peças de tons neutros na composição é uma forma de começar a criar produções mais coloridas.

A seguir, confira os tipos de combinações de cores mais comuns e que não tem como dar errado:

1. Combinação monocromática.

A combinação de cores de roupas monocromática é aquela em que se usa diversas tonalidades dentro da mesma cor.

Esta é uma combinação fácil de fazer e também pode-se acrescentar uma peça de uma cor neutra, como roupas brancas, pretas ou cinzas. 

2. Combinação com cores análogas

A combinação com cores análogas é quando você combina uma cor primária com suas cores “vizinhas” a ela no círculo cromático. Recomenda-se, entretanto, não misturar cores quentes e frias na mesma composição. As cores de tons neutros podem ser sempre usados nos acessórios ou como base da combinação. 

 3. Cores complementares

Nesse tipo de combinação, a associação é feita com a cor que está oposta no círculo de cores. No uso de cores complementares, há a mistura de cores frias e quentes. Esta combinação costuma dar muito certo, pois associa um tom mais vibrante com um mais sóbrio.

4. Combinação em tríade

Na combinação de tons em tríade é feia a associação de três cores que possuem a mesma distância entre si no círculo cromático. Ou seja, basta imaginar um triângulo no círculo de cores.

Esta combinação é ideal para os dias que você deseja um look mais colorido e divertido, mas ao mesmo tempo elegante. Agora que você já sabe as melhores forma para fazer a combinação de cores de roupas, certamente você e sua princesa vão começar a encontrar inúmeras possibilidades de looks no guarda-roupa. No início, é comum que você consulte o círculo cromático, mas com a prática você vai acostumando.

 

Como montar os looks

Shortinhos jeans ou preto são peças que não faltam no guarda-roupa de uma menina. Combinar os modelos com t-shirts é sempre uma ótima dica: pegue aquela blusa divertida que você já não usa mais, dobre as mangas e experimente a combinação. O look é fresquinho, confortável e super flexível! Diversas marcas apostam em coleções recheadas de blusas de estampas dos mais diversos tipos que estão nas tendências de moda. No pé, tênis, sandália, sapatilha ou até chinelo encerram o look com chave de ouro.

Modelos variados de calças são itens que não faltam nas lojas do Brasil. Nesta lista, exploramos três tipos, em combinações simples e práticas com um elemento que com certeza você tem em casa: uma camisa branca. A peça é um jeans clássico que toda menina tem em seu guarda roupa, dependendo de como usada, pode transitar entre produções mais elegantes ou outras mais moderninhas e infantis. Aposte em uma calça com corte reto e barras dobradinhas, conversando com a blusa branca e um tênis ou uma sandália descolada, você ficará perfeita. 

As blusas conversam muito bem com jaquetas e casacos de frio, então não tenha dúvidas de que na maioria das vezes as combinações que você criar serão ideais, nestes casos, não tenha medo de errar. Neste ano, uma onda de jaquetas jeans invadiu as araras e seguem como tendência pelo menos até o próximo verão. Se você não tem uma dessas, uma camisa jeans consegue dar um efeito semelhante.

As peças do guarda-roupa são ferramentas para experimentações infinitas de combinações. Não tenha medo de substituir looks que você já está acostumada.

Entenda com quais combinações de cores e modelos que sua princesa mais se identifica e abuse delas. Se ela não gostar do look, repense e não se canse de criar novas combinações, com muitas cores e alegria.